Página Inicial

Siga-nos:

20.4.2018

Opinião

"Uma cidade que gera um jogador fantástico como o GRANDE LEONARDO só pode ser uma cidade muito especial! OBRIGADO POR TUDO, PICOS! PERNAMBUCO JAMAIS ESQUECERÁ O FILHO DE VOCÊS! LEONARDO MARCOU ÉPOCA NO BRASIL INTEIRO! "


De: Sergio Silva em Recife, 04/03/2016 11:30:14h

[ Veja mais ]

Você está lendo a coluna: Esportes

FUTEBOL

Altos derrota o River e é bicampeão piauiense

Jogando em casa o time de Altos venceu a final por 4 a 2 e conquistou o bicampeonato estadual

Severino Filho  

16/04/2018

Foto: reprodução

clique para ver a foto em tamanho real

Altos conquista o bicampeonato piauiense de futebol.

Ao que pesem as péssimas condições do gramado do Estádio Felipe Raulino, em Altos, não faltaram emoções no jogo final do Campeonato Piauiense da 1ª Divisão de Profissionais, disputado na tarde deste domingo (15), com o time da casa arrebatando o bicampeonato com uma expressiva vitória. Com menos de 1 minuto, Altos já vencia por 1 a 0. Com menos de 42, o torcedor já havia presenciado seis gols. Altos, que precisava apenas do empate, venceu por 4 a 2 e fez a festa diante de sua torcida.

 

Quando o cronômetro acusava 45 segundos, uma falha do setor defensivo tricolor permitiu que Tiagunho abrisse a contagem para o campeão piauiense. Se ficava difícil com um gol relâmpago, o River viu suas chances se reduzirem com o segundo gol altoense, assinalado por Joelson. E eram apenas 8 minutos de partida. O técnico do River, Wallace Lemos, viu que algo estava errado e efetuou a primeira mudança, tirando Gustavo Radar e colocando em campo mais um atacante – Fabiano.

 

Mal entrou em campo, Fabiano recebeu um passe com precisão cirúrgica de Eduardo. O atacante tricolor chegou na bola antes que Gideão e mandou para as redes. Desenhava-se uma reação que tomaria corpo nos minutos seguintes. O River cresceu em campo e o empate foi apenas uma consequência. Chute de Márcio Diogo, falha de Gideão, jogo empatado no Felipão.

 

Quando a torcida tricolor festejava, esperando a virada, foi Altos quem movimentou o placar. Aos 38 minutos, com um chute de Dos Santos que Vitor Paiva não conseguiu desviar; aos 41, com Esquerdinha, sem ângulo, com uma pequena colaboração do goleiro tricolor, apesar da bola ter tocado na zaga. Com 4 a 2, os dois finalistas foram para  o intervalo.

 

No segundo tempo, gamado mais castigado ainda, jogo mais pegado, ao invés de gols vieram as expulsões: Fabiano e Everton Moura, por agressão mútua. Com o River precisando marcar três gols, o técnico Paulinho Kobayashi foi fechando a sua defesa e diminuindo os espaços para o River trabalhar ofensivamente. Final: vitória do campeão, agora bi. E festa no Felipão e na terra da manga. Altos fecha o calendário de competições nacionais para 2019, com presença garantida também na Copa do Nordeste.

 

Em menos de quatro anos com o time profissional em campo, Altos conquista mais um título e desta feita com direito ao artilheiro máximo da competição – Manoel, com 11 gols. Anteriormente, quando Gênesis foi o goleador, o time ficara com o vice-campeonato. Ao River, vice-campeão, resta a disputa da pré-Copa do Nordeste, a partir desta quarta-feira, com dois jogos diante do Sampaio Correa, do Maranhão.

 

FICHA TÉCNICA

 

ALTOS 4x2 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais – Fase Final – 2° jogo); Data: 15/04/2018 (domingo à tarde); Local: Estádio Felipão (Altos – PI); Arbitragem: Raphael Clauss, auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse e Danilo Ricardo Simon Manis (todos de São Paulo).

 

Gols: Tiaguinho 45 segundos, Joelson 8, Fabiano 13, Márcio Diogo 33, Dos Santos 38 e Esquerdinha 41 do 1° tempo.

 

Cartões amarelos: Alisson, Netinho (ALT), Fabiano, Esquerdinha e Eduardo (RIV).

 

Expulsões: Fabiano e Everton Moura, aos 33 do 2°, por agressão mútua.

 

Altos – Gideão; Vagner (Everton Moura), Leone, Alisson e Tiaguinho; Marconi (Douglas), Dos Santos, Roger Gaúcho e Esquerdinha; Manoel (Netinho) e Joelson. Técnico: Paulo Ricardo Kobayashi (Paulinho Kobayashi).

 

River – Vitor Paiva; Madson, Marlon, Alexandre e Flavinho; João Paulo, Gustavo Radar (Fabiano), Marcos Vinícius (Daniel Marins) e Esquerdinha; Márcio Diogo (Thales Lima) e Eduardo. Técnico: Wallace Kafrune Nassif Lemos.

.:: ComentarCorrigirEnviar por e-mailImprimir ::.

Comentários desta matéria:

Não há comentários para a matéria no momento.

Outras desta mesma coluna:

16-04-2018 :: Altos derrota o River e é bicampeão piauiense

02-03-2018 :: Lateral picoense é emprestado ao Londrina

27-02-2018 :: Rubro-negros protestam contra inscrição de Rômulo na Libertadores

19-01-2018 :: Goleiro picoense Marquinhos é contratado pelo Altos

18-12-2017 :: Ferrer e Marcilene são artilheiras da Copa Piauí

14-12-2017 :: Tiradentes goleia Abelhas Rainhas e conquista Copa Piauí

12-12-2017 :: Flamengo vence América de virada e conquista Campeonato Picoense

11-12-2017 :: Flamengo e América decidem Campeonato Picoense de Futebol

10-12-2017 :: Abelhas Rainhas perde de goleada para o Tiradentes

09-12-2017 :: Rotary Club de Picos realiza Corrida da Amizade

08-12-2017 :: Flamengo do Saquinho goleia Ajax e enfrenta América na final do Campeonato Picoense

07-12-2017 :: Abelhas Rainhas goleia São Paulo e joga com Tiradentes na final da Copa Piauí

06-12-2017 :: América vence Caeiras e está na final do Campeonato Picoense

06-12-2017 :: STF nega novo recurso do Flamengo e confirma Sport como único campeão de 1987

05-12-2017 :: Atacante das Abelhas Rainhas assume artilharia isolada da Copa Piauí

[ Todas desta coluna ]

edilson constutora  - edilson constutora Colégio Machado de Assis  - Machado de Assis Prefeitura Municipal de Picos - Prefeitura Municipal de Picos - Site Oficial marquês frios - marquês frios Clínica Picoense  - Clínicas picoensw dr.bezerrinha - dr.bezerrinha edilson madereira - edilson madereira Governo do PI - Governo do Piaui

© 2009 - Jornal de Picos - Todos os direitos reservados - E-mail: contato@jornaldepicos.com.br

Somente os artigos não assinados são de responsabilidade deste portal. Os demais, não representam necessariamente a opinião desta editoria e são de inteira responsabilidade de seus autores.